A cada ano a fatura energética fica mais alta e, para o brasileiro, é necessário adotar atitudes estratégicas para reduzir a conta de luz

Segundo um estudo da AIE (Agência Internacional de Energia), o Brasil está em 14º lugar no ranking de tarifa energética mais alta. A comparação levou em conta 28 países. Em relação à carga tributária que incide sobre a conta de luz residencial, o Brasil fica em segundo lugar.

Já está começando a pesar no bolso do brasileiro. Por isso, resolvemos listar algumas dicas que podem ajudar a diminuir o valor da conta de luz. Confira com atenção!

4 fatores que precisam de atenção na hora de economizar

1. Faça um plano de economia

Antes de implementar qualquer tipo de mudança de rotina, seja na sua residência, comércio ou indústria, é essencial compreender o que leva a alta de consumo mensal.

A partir do momento em que você realiza uma análise completa sobre o comportamento de consumo, ficará mais fácil implementar mudanças de redução de custos. Caso seja necessário, monte uma planilha de controle e anote tudo o que pode ser cortado da rotina.

2. Máquinas de lavar e ferro de passar

São dois eletrodomésticos que impactam muito na conta de luz do mês residencial. Sendo assim, a dica é manter um cronograma semanal para a utilização desses equipamentos. Se você conseguir utilizá-los apenas uma vez por semana, já vai reduzir muito o valor da sua fatura. 

Além disso, utilize-os somente quando tiver uma boa quantidade de roupas. Utilize a dosagem recomendada de sabão em pó para que não seja necessário realizar um segundo enxágue.  

3. Iluminação

A nossa melhor dica é que você aproveite toda a luz solar durante o dia. Abra as janelas, abra as cortinas e deixe que a luz do sol te ajude a economizar. Outra técnica que ajuda muito a refletir a luz do sol e iluminar qualquer ambiente é pintar as paredes de uma cor bem clara como gelo ou branco.

Além disso, faça a troca de todas as lâmpadas da casa e prefira aquelas do tipo LED, que são muito mais econômicas e possuem maior durabilidade. 

4. Cuidado com o stand-by

Sabia que os aparelhos ligados no modo stand-by (modo espera) são ladrões silenciosos de energia elétrica? Por muito tempo, essa questão foi debatida e por mais que o gasto seja pequeno, no final do mês faz sim uma grande diferença no bolso do consumidor.

Mesmo que desconectados, em modo stand-by, os aparelhos continuam puxando energia. Segundo uma pesquisa da Revista Economia.Uol, os aparelhos que ficam ligados em stand-by gastam 12% da luz do imóvel. 

Então, a melhor saída é desplugar da tomada todos os eletrodomésticos que não estiverem sendo utilizados, principalmente quando for dormir ou estiver fora de casa ou do trabalho. 

Como reduzir em até 99% a conta de luz por mais de 25 anos

A solução perfeita para unir a economia com a eficiência energética é investir em um Sistema de Energia Fotovoltaica. A luz do sol é uma fonte renovável e inesgotável. Então, por que não aproveitar para economizar?

Por meio da instalação de micro geradores alimentados por módulos que captam a luz do sol, é possível gerar a sua própria energia por mais de 25 anos e ficar livre de qualquer aumento de taxa. Entre todas as tecnologias disponíveis de energia renovável, nenhuma é tão eficiente e acessível quanto a Energia Fotovoltaica, pois possibilita a economia de 99% na conta de luz.

As placas fotovoltaicas são capazes de gerar muito mais energia do que o consumo mensal, seja de uma residência, comércio, agronegócio ou indústria. Com isso, o consumidor recebe o excedente da energia gerada em forma de créditos. Esses créditos podem ser abatidos na próxima fatura de energia elétrica. Muito interessante, não é mesmo?

O que você está esperando para eliminar de vez os altos gastos com energia elétrica? Caso tenha alguma dúvida, basta entrar em contato com um de nossos especialistas e solicitar um orçamento gratuito

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário